Em meio as incertezas econômicas do Brasil investir no exterior é cada vez mais a opção de empresários de diversos ramos de atividade. Em sua maioria eles buscam maneiras de expandir e crescer com menos risco. Buscam alternativas de melhorar as condições financeiras de suas empresas em países com menos incertezas econômicas.  Além disso quase que sua totalidade quer trabalhar com menos burocracia. Em lugares mais seguros e com regras mais claras.

Expandir em Miami

De acordo com a consultoria Hayman-Woodward, especializada em expatriação, a geração de receitas em uma moeda forte como o dólar é outro fator que pesa bastante. Empresários, não importa se experientes ou não, buscam se arriscar o mínimo possível. E investir onde a volatilidade da economia permite sentir segurança.

Diante desse cenário Miami se apresenta como uma das melhores opções. É uma das cidades mais desburocratizadas do mundo e uma das que mais oferecem incentivos. Em três dias é possível dar início a um negócio legalmente (dependendo da sua área de atuação, obviamente). Alugar em imóvel, por exemplo, pode ser feito on line, da maneira mais prática que alguém possa imaginar, com a ajuda de um dos milhares de corretores brasileiros que atuam na cidade.

Outra vantagem é, aos poucos, a cidade está perdendo aquela fama boêmia. A imagem de cidade voltada única e exclusivamente ao turismo. Dia após dia Miami se firma como um dos maiores centros financeiros dos Estados Unidos. E, tudo isso, faz com que seja uma ótima opção para investir ou expandir um negócio.

Além disso Miami oferece vantagens para profissionais que querem expandir a carreira como um todo. No caso da Florida especialmente existem vantagens para profissionais que tenham qualificação de alto nível e queiram se recolocar ou queiram começar um negócio. Existem incentivos fiscais para quem abre indústrias, fábricas, hotéis e restaurantes.