A Royal Caribbean inaugura em novembro deste ano seu novo terminal exclusivo em Miami. O projeto é fruto de  um acordo com a Miami-Dade County. O objetivo é construir e operar um novo e exclusivo terminal de cruzeiros no Porto de Miami. O contrato foi assinado no ano passado. O novo terminal será base para atuação de todos os navios da frota, incluindo os da classe Oasis com capacidade para 5.400 passageiros.

Com cerca de 15.670 metros quadrados o novo terminal  já é apontado como  “A Coroa de Miami”.  Sua forma distinta, com um desenho estilizado de um barco e provocando efeitos ilusionistas impressiona. A noite, a fachada do terminal será iluminada para assegurar uma integração na paisagem do Porto de Miami e tenha um impacto marcante.

Royal Caribbean

Miami recebe em seu porto 750 mil passageiros da Royal Caribbean por ano. O número representa cerca de 15% do seu tráfego total. Quando inaugurado o novo terminal da Royal deverá receber pelo menos 1,8 milhão de passageiros. O que representa cerca de 30% do tráfego projetado para o porto.

O terminal fica num terreno alugado pelo munícipio e será ‘homeport’ dos navios da Royal Caribbean International. Foi  desenhado pela  Broadway Malyan,  seleccionada entre cinco empresas de arquitetos para desenvolver o projeto que foi batizado “Crown of Miami”. O design do terminal evoca uma coroa simbólica vista a partir da água, “com o ‘M’ de Miami quando visto do leste” À noite, “a fachada do terminal será iluminada para assegurar que o edifício ganhe um destaque no portoA estimativa é de que a parceria público-privada tenha um impacto econômico estimado em US$ 500 milhões e irá gerar aproximadamente quatro mil postos de trabalho.

Estamos realmente animados em trabalhar com Miami-Dade County e Porto de Miami para criar não apenas um outro terminal de cruzeiros, mas um edifício verdadeiramente icónico“, disse Richard D. Fain, Presidente e CEO da Royal Caribbean Cruises Ltd. “Este novo terminal é um símbolo do nosso compromisso com Miami, a cidade onde a nossa empresa começou há quase 50 anos. Estamos ansiosos para trazer um navio da classe Oasis para o Porto de Miami.”